Sinapse por Christian Michelassi, 06/07/09

Quando falamos em arte, a referência que temos é logo os grande museus da Europa. Isso se você for visitar e apreciar aqueles quadros do Renascimento, do período barroco e Modernismo. Mas e a arte moderna? Como fazemos para ter contato com ela?

Ao contrário do que muitos podem pensar, arte não mais se resume apenas a pintura, escultura e música. Hoje, ilustrações, grafites, instalações, e até o meio digital é considerado arte.

Mas como eu vejo esses tipos de arte?

Comecemos pelo grafite. Da marginalizada pixação surgiu o grafite, uma forma desenhar usando tinta nas paredes dos centros urbanos. Mentes conservadoras se preparem: Isso também é arte. Principalmente quando se fala de cidades altamente urbanizadas, concreto para todos os lados. Nessas cidades, como São Paulo, a vida tem se tornado cada vez mais funcional, tomando o espaço que deveríamos dedicar ao lazer, esporte, e para a arte.

O Brasil tem se destacado muito nesse meio. Os gêmeos, Zito e Titi Freak são nomes internacionalmente conhecidos e suas obras estão espalhadas pela cidade. Explorando esse mercado, algumas empresas fazem até roteiros turísticos para mostrar essa arte aos interessados.

Os gêmeos tem obras estampadas em paredes até da Europa. Nesse vídeo abaixo eles pintam as paredes de um castelo em Glasgow. Luxo pouco é bobagem!

E se eu quiser comprar uma obra de arte? Preciso ser um mecena, ir a uma galeria ou conhecer um artista para encomendar meu retrato?

Não. Hoje tudo é mais fácil. Existem várias galerias de arte pela internet, nas quais você olha as obras virtualmente, paga e elas chegam na sua casa. Essas obras não são dos pintores clássicos. Esses artistas são contemporâneos e são buscados principalmente por aqueles que gostam da cultura underground. A Galeria Magenta é uma galeria brasileira que vende a arte de ilustradores brasileiros. E vendem inclusive para o exterior, elevando nosso status de consumidor de arte para também produtor.

Amigo, para a internet não há limites. Sua avó nunca diria que obras de arte seriam compradas por uma máquina de plástico com uma tela de vidro e chegariam na sua casa, sem ao menos usar papel moeda para pagar. Na verdade, a internet é o meio que disponibiliza essa grande variedade de itens para as pessoas, porém no caso dessas galerias, seus clientes estão em busca de exclusividade, e exclusividade é o que a arte pode proporcionar.