Com Game Of Thrones chegando ao seu fim, a HBO precisa de uma nova sensação. Sem qualquer outro drama com as dimensões do épico de George R.R Martin, mesmo com The Night Of e The Leftovers, a emissora vai apostar em Westworld. A série de ficção científica estreia esse domingo às 23h.

westworld

O projeto é liderado por Jonathan Nolan, roteirista de “Batman: O Cavaleiro das Trevas” e “Interestelar”, e sua mulher Lisa Joy, roteirista de séries como “Pushing Daisies” e “Burn Notice”. Por trás das câmeras também estão os produtores J.J Abrams e Bryan Burke, os mesmos de “Star Wars: O despertar da força”.

Apesar de tantos envolvidos no projeto, ele não é completamente original, sendo baseado em um filme de 1973 com o mesmo nome.

west

O criador Michael Crichton também criou Jurassic Park e, de forma semelhante, Westworld também se trata de um parque de diversões. A premissa é a de um mundo criado por humanos e ocupado por andróides, um parque temático sobre o velho oeste. “A que ponto você começa a sentir pena pelos robôs?” – comentou o showrunner Jonathan, destacando um dos questionamentos do seriado.

Ele também o comparou com videogames, por não nos sentirmos mal quando matamos “pessoas” no GTA. Afinal videogames foram grande fonte de inspiração, tanto pela semelhança dos NPCs (non playable characters) com os andróides de Westworld, quanto por semelhanças temáticas, o caso de Bioshock e Red Dead Redemption.

O elenco da série conta com grandes atores como: Anthony Hopkins, Ed Harris, Evan Rachel Wood, Rodrigo Santoro e outros. Hopkins, a maior estrela e o mais bem pago, será o diretor do parque de diversões, um personagem semelhante com Hammond de Jurassic Park.

mito

Antes mesmo de sua estreia, o seriado já criou polêmica por aparentar ter várias cenas de sexo abusivas, com o elenco tendo de concordar com “situações sexuais gráficas”. A preocupação é de que tais cenas seriam inconsequentes para a história, presentes apenas para causar choque. Game Of Thrones também já gerou controvérsias pelo tratamento abusivo das personagens femininas.

Westworld pretende fazer com a ficção científica a mesma coisa que GOT fez com a fantasia. O projeto é ambicioso e muito caro, a primeira temporada teve um orçamento de 50 milhões de dólares. Game of Thrones já atingiu valores maiores e o sucesso recompensou o investimento, por outro lado a série “Vinyl” gastou 100 milhões de dólares e já foi cancelada.

A HBO realmente acredita no potencial da série, disponibilizando valores absurdos para sua produção, além de já possuir um planejamento para 5 temporadas. Os criadores já tem em mente conteúdo para anos de televisão, além de vários finais possíveis. Uma série da emissora já teve o mesmo plano, no entanto foi cancelada após apenas 2 temporadas; esperamos que Westworld não tenha o mesmo destino de “Roma”.

A série pretende questionar muito sobre a natureza humana, além de vários outras coisas. Jonathan Nolan a enxerga como “o próximo capítulo da história humana, quando paramos de ser os protagonistas e nossas criações passam a tomar esse papel”. A intenção é explorar o ponto de vista dos robôs, que adquirem consciência, como também o dos humanos, sem dar respostas sobre quem está certo.

As esperanças são grandes para a pretendente a substituir a maior série da TV e o primeiro grande projeto de Jonathan Nolan. Seria mesmo Westworld capaz de atingir as expectativas? Você pode conferir o trailer abaixo e assistir o piloto neste domingo para descobrir.

Viciado em Games, viciado em futebol, viciado em cinema, viciado em séries e viciado em drogas pesadas: leite, glúten e anime.