Um título estranho? Talvez. É meio estranho pensar que de algum modo máquinas de Pinball estão relacionadas com Mortal Kombat. Mas apesar de parecerem assuntos distantes, existe uma conexão entre eles: um homem chamado Steve Ritchie. Que curiosamente não é um dublador profissional ou algo do tipo, mas sim um designer de máquinas de Pinball. Na verdade, o designer, tendo produzido mais máquinas que qualquer um no mundo.

Além disso, ele ainda é a famosa voz por trás de do narrador de Mortal Kombat. Como? Estando no lugar certo na hora certa. Basicamente, Ritchie produzia suas máquinas e gravava vozes para elas, ficando conhecido no ambiente de trabalho por sua voz grave. E foi nesse mesmo ambiente que Mortal Kombat também foi criado.

Obviamente, a voz foi modificada um pouco para se tornar o que é hoje, mas mesmo sem efeitos é impressionante como esse simpático designer de Pinball consegue ser tão macabro. Mas mesmo com sua contribuição como Shao Khan, que já é enorme para a saga, ele conseguiu ter mais impacto ainda para o jogo: a ideia do nome foi dele. Antes da sugestão de Steve, Mortal Kombat era simplesmente Combat.

Com certeza muita gente por aí tem que agradecer esse senhor, afinal, será que Mortal Kombat seria o que é hoje sem ele?

Viciado em Games, viciado em futebol, viciado em cinema, viciado em séries e viciado em drogas pesadas: leite, glúten e anime.