Todas as famílias, ou a maioria pelo menos, tem tradições, seja repassar a receita “secreta” da avó ou aquele velho livro de fotos dos antepassados. Esses pequenos pertences são os que criam os laços que passam de geração para geração e se tornam eternos.

A Volkswagen tão tradicional quanto as famílias decidiu mostrar que eles também fazem parte desse momento. Criaram uma história, intitulada Generationer, que mostra o relacionamento de filho e pai e a dificuldade que eles tem em se entenderem.

É comum o pai e o filho terem discussões por não concordarem em muitas coisas, porque há sempre um desejo do pai de que seu filho cresça e seja como ele. A ideia da marca foi de falar sobre essa situação tão comum, de uma forma em que a marca participe, porém de uma maneira sutil. O desentendimento entre eles é focado no Fusca, principalmente na ideia de que o filho acha que o maior apreço do pai é apenas uma “lata velha”.

A ideia vai além de contar uma histórinha, a marca também faz parte de histórias contadas pelas famílias, que assim como aquela receita da vovó, o Fusca é uma tradição repassada para outra geração. A Volkswagen criou um conto comovente que causa um envolvimento emocional para aquelas famílias que têm tradições tão comuns quanto essa, criando um vínculo entre a marca e o consumidor, mostrando que a marca vai além de só vender carro.

Dark Amanda: a melhor pessoa que você vai conhecer.