Sinapse por Lucas Youssef, 06/05/2010

Aproximar profissionais e olhares curiosos de problemáticas inusitadas do dia-a-dia. Mais que isso, desenvolver produtos que as solucionem de maneira rápida, pontual e criativa. Esse é o objetivo do Improvisal Design, criado por jovens de São Paulo, que pretende intervir nesse centro urbano para validar sua proposta.

Como facilmente se imagina, o improviso dá o tom do projeto. Coisas que todo mundo fez, faz e fará, mas não tem idéia de que pode render algo maior após um olhar mais cuidadoso. O Improvisal busca o elemento inusitado para compor suas intervenções, o elemento desse todo mundo. Entre as soluções mais antigas do projeto estão improvisos em lugares fechados, como aquela colocação chata de um pedaço de papelão para fazer as vezes de pé de mesa, o inovador uso de um spot de lâmpada como porta escova de dentes, até a colagem de recadinhos em cartolinas por um grupo para formar uma agenda coletiva.

As mais recentes, que estão tomando a cidade como palco, são baseadas nos Dispatchworks, obras do artista alemão Jan Vormann, que consistem basicamente em preencher com blocos de LEGO alguns vãos deixados por concreto, ladrilhos e tijolos que se deterioraram em diversas construções. O objetivo não é artístico. Mas apesar do viés da praticidade, algo de arte se reflete em quem encara as peças coloridas preenchendo algo que até então não era digno de ser notado. Passa a haver percepção com a transformação do vazio em algo colorido e lúdico, agradável. E novas intervenções estão por vir, com outros materiais inovadores.

O Improvisal e suas saídas estão caminhando, quem tiver interesse em participar e ajudar das intervenções pode conhecer as novidades no tumblr, ver as fotos no Flickr e entrar em contato pelo email improvisaldesign@yahoo.com.

Twitter: @yousseflucas @NewronioESPM