Muito antes de Minecraft vender mais de 122 milhões de cópias, muito antes de ser a sensação que é hoje, o talvez maior jogo de todos os tempos foi um simples game indie java. O tremendo sucesso do jogo deve-se muito, praticamente por completo, ao Youtube e não apenas seus produtores de conteúdo. A própria plataforma foi essencial para a ascensão do game, tudo devido a uma alteração nos algoritmos do site.

Antes de 2012, os canais de gaming tinham uma abordagem completamente diferente, os vídeos com maior sucesso eram curtos e possuíam um caráter mais autoral; eram os “Machinimas”, as montagens de Call of Duty, as jogadas da semana ou coisas do tipo. Foi depois da mudança que priorizou tempo assistido ao invés de visualizações que isso mudou, a partir de então os gameplays comentados e os Let’s Plays se tornaram o símbolo da nova fase do site, eis então que surgiu o enorme Minecraft, dominando o Youtube por completo.

O Youtuber Game Theory analisou como essas mudanças afetaram não apenas o jogo, como o portal em si – demonstrando as consequências por diversas estatísticas. Também usando exemplos reais do que houve com diversos outros Youtubers que sofreram ou se beneficiaram com o novo algoritmo.

As séries de Minecraft funcionavam perfeitamente com o novo algoritmo, eram vídeos longos e divididos por capítulos, no qual o espectador poderia “maratoná-los” facilmente. No entanto, elas prejudicavam outros tipos de conteúdo. Trabalhos demorados e complexos foram os que sentiram o pior baque, foi o caso das animações (que geralmente não passam dos 5 minutos) e dos curta-metragens. Ou até mesmo dentre o gênero de games, no qual montagens de Call of Duty e Machinimas foram substituídos pela nova forma de conteúdo.

A situação acabou fugindo do controle do site, Minecraft e Gaming estavam em todo lugar e os usuários comuns que acessavam o site casualmente logo começaram a abandoná-lo.

A teoria de MattPat supõe que o Youtube passou a remover os vídeos de Games da página principal justamente por esse motivo. Mas isso não foi o suficiente para acabar com os Let’s Plays, o breve tempo em que eles se tornaram o ícone do site foi o suficiente para consolidá-los como um hábito para muitos, fazendo sucesso até hoje. Algo que também permitiu um pequeno jogo sueco se tornar o maior de todos os tempos.

Tudo isso mostra como um portal sempre tem o poder de modificar completamente o conteúdo que é produzido por seus usuários, tendo em vista que essa mudança beneficiou a mesma quantidade de pessoas que prejudicou. Até por isso o próprio Youtube ficou um tempo sem realizar mudanças drásticas, com medo de afetar tanto assim sua comunidade. No entanto, hoje estamos passando por outra mudança, na qual a tentativa é reduzir o sucesso de canais considerados “ofensivos” como FilthyFrank, iDubbbzTV e canais de notícias.

Viciado em Games, viciado em futebol, viciado em cinema, viciado em séries e viciado em drogas pesadas: leite, glúten e anime.