Em 2015 tivemos o início do “Oscars So White”, que apontava a falta de artistas negros no maior evento do audiovisual mundial. Para rebater o movimento no ano seguinte, o host do evento foi o comediante negro Chris Rock. Ele tocou no assunto logo de cara, alfinetando os críticos e alegando que apenas faltavam oportunidades aos afro-descendentes, defendendo os organizadores acusados de racismo.

Foram necessários 88 eventos para perceberem que realmente, Hollywood é racista e faltam oportunidades. As tensões raciais americanas, claramente impactam o entretenimento. Ainda hoje, “filmes negros” são minoria na indústria, mas recentemente houve uma certa ascensão. Vários filmes protagonizados por negros, dirigido por negros estão sendo lançados, muitos de grande qualidade.

No ano polêmico, uma das reclamações foi a falta de indicações para “Straight Outta Compton”, nomeado apenas para melhor roteiro original. O filme recebeu críticas positivas, foi sucesso de bilheteria e ganhou 4 prêmios da AAFCA, o “Oscar negro”.

Straight Outta Compton

No mesmo ano, ainda houve Creed, sequência de Rocky, Dope e Beasts of No Nation. Todos protagonizando negros, sendo Dope especialmente um reflexo da cultura afro americana. Muitos deles são justamente sobre racismo, obstáculos pelos quais negros devem ultrapassar. A sátira e o sarcasmo são frequentes nessas obras, mesmo com alguns sendo baseados em histórias reais.

dopeofficialposterjpg-ec90a4_1280w

Este ano, as obras também migraram para a televisão, com The Get Down e Atlanta. Ambos sobre música, especialmente o Hip-Hop.

O criador de Atlanta, Donald Glover, descreveu a série como o “Twin Peaks do rap” e diz que pretende demonstrar como é ser negro. Os 2 primeiros episódios foram ao ar nessa semana na FX, e já é a série mais aclamada do ano, atingindo uma média 90 no metacritic.

ATLANTA -- Pictured: (l-r) Brian Tyree Henry as Alfred Miles, Keith Standfield as Darius, Donald Glover as Earnest Marks. CR: Matthias Clamer/FX

As críticas positivas de 2016 não param por aí; Moonlight, filme da aclamada produtora A24, está com 100% de aproveitamento. Todos os críticos que tiveram acesso antecipado ao longa lhe deram nota máxima.

Outra obra promissora é “Kicks”, o debut de seu diretor e a estreia de 3 novos atores. A obra, que foi lançada hoje nos EUA, retrata um aspecto diferente da vida de um negro da periferia americana: seus tênis.

O futuro parece promissor para a indústria do entretenimento, com a ascensão do rap abrindo espaço para produções cinematográficas. Tendo em vista que muitos dos filmes e séries são sobre música, ou envolvem músicos na sua criação. Atlanta foi criado por Donald Glover, que também é conhecido como Childish Gambino no mundo da música. Enquanto, Straight Outta Compton e Kicks tem em seu elenco filhos de grandes rappers: Ice Cube e Notorious B.I.G.

Esperamos que o próximo Oscar reflita esse crescimento, ou ao menos se torne um pouco negro.

Viciado em Games, viciado em futebol, viciado em cinema, viciado em séries e viciado em drogas pesadas: leite, glúten e anime.